MONIZ BANDEIRA VÊ AMEAÇAS AO BRASIL COM AS CRISES NA UCRÂNIA E VENEZUELA...

Por : Francisco das Chagas Leite Filho

 

O politólogo residente na Alemanha Luiz Alberto Moniz Bandeira, autor do livro A Segunda Guerra Fria, analisou nesta entrevista pelo Skype, com o embaixador Samuel Pinheiro Guimarães e os jornalistas Beto Almeida e FC Leite Filho,  da TV Cidade Livre de Brasília e do blog cafenapolitica.com.br, os acontecimentos recentes na Ucrânia, que afastaram o presidente Viktor Ianukovitch, e na Venezuela. que, mais uma vez fracassaram na tentativa de derrocar o regime bolivariano, implantado pelo falecido presidente Hugo Chávez. 

Leia mais...

POBRE UCRÂNIA : “LONGE DA EUROPA E PERTO DEMAIS DA RUSSIA...”

Por : Pettersen Filho

 

Tratada como uma espécie de Mercadoria, no “Cabo de Guerra” que se formou em plena Eurásia, porção de terra que separa a Rússia da Europa, a Ucrânia, tradicionalmente aliada da Rússia, até que a queda do Regime Comunista na União Soviética, em 1991, lhe trouxe certa independência, muito embora, visceralmente unida “para todo o sempre”, por meio de estradas, economia e etnia a própria Rússia, a Ucrânia tem pendulado entre a Europa Ocidental, e a Rússia, num Jogo Perigoso e Mortal, ora com Governos, mais, ou menos, tendentes a se inclinar para um lado, ou outro, realidade que, infelizmente, tem levado o País ao esfacelamento Político, até, Econômico.

Leia mais...

TRIBUNAL CONSTITUCIONAL ALEMÃO ABOLIU BARREIRA DOS 3% PARA PARTIDOS PEQUENOS

Decisão contra uma Europa só nas Mãos das Elites

Por : António Justo

Ontem (26.02.2014), o Supremo Tribunal Alemão declarou inconstitucional a cláusula restritiva dos três por cento que impedia a entrada no parlamento europeu, a partidos pequenos. A barreira dos 3% de votos peca contra a democracia e favorece os partidos maiores. Partidos pequenos vêem-se confirmados nas suas exigências de mais democracia no parlamento. A praxis da cláusula restritiva “viola os princípios da igualdade eleitoral e a igualdade de oportunidades dos partidos”, constatou o Tribunal. Cada partido deve ter as mesmas oportunidades. 

Leia mais...

ROBERTO JEFERSON : “QUANDO A DELAÇÃO NÃO É PREMIADA...”

Por : Pettersen Filho

 

Visto, ainda esse Fim de Semana, no interior do Estado do Rio de Janeiro, para onde se refugiou, desde que passou a progredir contra si a Ação Penal 470, popularmente conhecida como Mensalão, pilotando a sua motocicleta de alta cilindrada, vestido de blusão de couro e capacete emoldurado,  o Ex-deputado Roberto Jefferson, como uma espécie anacrônica de “Capitão América”, ou “Easy Rider”,, responsável pela Delação do Esquema vigente na Câmara dos Deputados, em Brasilia/DF, no fim do Primeiro Mandato do Presidente Lula, em 2006, menos por virtude, por paladinismo, do que por haver tido seus interesses contrariados na Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, teve, finalmente, contra si, Mandado de Prisão expedido pelo STF – Supremo Tribunal Federal.

Leia mais...

“O CODIGO BUSHI” : VAMIR PETTERSEN...

Por : Pettersen Filho

 

Vamir Pettersen, Engenheiro Civil e Escritor, Professor de Karatê, Autor do Livro de imensurável sensibilidade, “Bushi: A Hora do Guerreiro”, já esgotado nas Livrarias, lança novo Romance, “O Código Bushi”, pela Garcia Edizioni, “Obra de extraordinária intensidade, na qual aflora um tema forte, de impacto e vivo realismo: A luta por uma mulher se torna  desafio, fere a honra  e a invencibilidade de dois grandes guerreiros. Nosso personagem transmite força e sabedoria. “Com as montanhas aprende a ser solido, imutável, com o junco se vergando ao vento, a ser flexível e paciente... Na suavidade de uma flor despencando ao pé da cerejeira, a transitoriedade das coisas.”

Leia mais...

JOGOS OLIMPICOS DE SOCHI ... : “RÚSSIA RECUPERA PRESTÍGIO DOS TEMPOS DA VELHA UNIÃO SOVIÉTICA.”

Por : Pettersen Filho

 

Bem diferente dos Tempos da Guerra Fria, que contrapunha o Capitalismo Ocidental, leia-se Estados Unidos, e o Comunismo Oriental, capitaneado pela Velha União Soviética, quem soçobrou no inicio dos Anos Noventa, do Século Passado, levando consigo a “Lenda Marxista” da Igualdade de Classes e do Materialismo Histórico, completamente pulverizados pela “Vida Real”, tem curso na Rússia, justamente na Região do Mar Negro e das Províncias Rebeldes Islâmicas, no Sul do País, os Jogos Olímpicos de Inverno, sob batuta do medo de atentados e da suposta Guerra Civil, em curso, sufocada na Rússia de Vladimir Putim, Mandatário Mor da Nação, Ex-agente da KGB, a temida Polícia Secreta Russa, ao tempo da Ex-URSS, tão depauperada, desde a queda do Muro de Berlim, e do próprio Regime Comunista.

Leia mais...

A TOGA E A FARDA...

Por : Gustavo Bassini

 

Dia 1º de abril de 2014, completaremos (e se já passou, completamos) 50 anos do golpe militar de 1964. Sem sombra de dúvida, não há nada a se comemorar, exceto para os que acham que aquilo foi uma revolução. Começamos a respirar ares  de democracia nas Diretas Já e depois com a Constituição de 1988. Algum tempo depois viria o CNJ, uma das maiores conquistas da sociedade. Os juízes, em sua maioria, odiaram o CNJ e este ódio explícito e o maior e melhor selo de qualidade do órgão. Tentaram acabar com os poderes do CNJ em manobras jurídicas, mas felizmente não conseguiram. Esta frustração mesclada com angústia viria à tona. E veio.

Leia mais...

AS INTRINCÁVEIS MANIFESTAÇÕES DE RUA

Por : Valmir Fonseca Azevedo Pereira

 

No ano passado, escrevemos sobre os três Poderes que dominam a República Nacional. Recordando, colocamos o Foro de São Paulo no topo, depois o Chefe do Executivo, e em terceiro, o Partido do lulo - petismo. É provável que muita gente não acreditasse, contudo o dia - a - dia demonstra que a nossa conclusão é correta. Senão vejamos: o Executivo conduz a gestão do Estado aos trancos e barrancos, sem qualquer projeto de curto, médio, que dirá de longo prazo. Eventualmente, citam o PAC 1, o 2 e agora, o 3. Na verdade, arremedos de programas deploráveis quando sabemos que ao anunciar o PAC 3, que é mais uma embromação eleitoreira, uma rápida e superficial analise mostra que o 1 vai de mal a pior, e o PAC 2 pouca gente sabe de fato o que é.

Leia mais...

O QUE ACONTECE NA ARGENTINA E NA VENEZUELA...

Por : Francisco das Chagas Leite Filho

 

Na Venezuela, houve três mortos e 61 feridos. Também incendiaram e destroçaram estações do metrô, universidades, ministérios, praças, creches e postos de saúde. O quadro levou o presidente Nicolás Maduro a acusar “um golpe em marcha”. Na Argentina, a presidenta Cristina Kirchner viu-se sob um ataque para “levar o país pelos ares”. A manobra, segundo ela, tramada na Bolsa de Nova York, partiria da desestabilização da moeda, com o fim de elevar o dólar de 12 para 40 dólares, como trombeteou o ex-ministro das privatizações Domingos Cavallo.  A persistência de manifestações violentas nas ruas venezuelanas, que se sucedem diariamente desde 12 de fevereiro, sugerem um cenário sírio ou ucraniano, pronto a desencadear uma guerra civil naquele país de nossa fronteira norte. Da mesma forma, a sucessão de arremetidas sobre o atual governo argentino dá a impressão de colapso próximo.

Leia mais...

A OLIGARQUIA DESEJA A DEPRESSÃO...

Por : Adriano Benayon

É hora de abrir o olho. Estamos no Brasil e no Mundo em situação especialmente perigosa, de que há copiosas manifestações, cujas causas são sistematicamente ocultadas,  pois  os que estão por trás delas, querem operar despercebidos. As potências hegemônicas, suas associadas e satélites seguem em depressão econômica, com aspectos mais perversos que os da  iniciada em 1930 e que só terminou, em 1943, nos EUA - com a mobilização de dezenas de milhões de combatentes na Segunda Guerra Mundial, mais os vultosos investimentos para produzir armas. Na Europa e na Ásia, a depressão foi substituída pela devastação.

Leia mais...

EDUCAÇÃO : “FILHOS DE DESEMBARGADORES NÃO ESTUDAM EM ESCOLA PÚBLICA...”

Por : Pettersen Filho

 

Nacionalmente conhecido como “Esquema do Valerioduto”, ou “Mensalão Mineiro”, numa clara alusão à pratica de Compra de Apoio na Câmara dos Deputados pelo Primeiro Governo Lula, que acabou no famoso Processo, Ação Penal 470, que levou à Cadeia José Genuino, Delubio Soares, José Dirceu, e o próprio Marcos Valério, Publicitário, Agenciador da Propina, que se dava sob o “Disfarce” de Empréstimos fraudulentos e Contratação de Campanhas Publicitárias no Rádio e na Televisão, na verdade, Esquema que teve origem muito antes, no Governo do PSDB, envolvendo a Eleição do Governador Eduardo Azeredo, em Minas Gerais, depois copiado, em Brasilia/DF, pelo PT de Lula.

Leia mais...

CONCLAMAÇÃO AO NACIONALISMO

Por : Valmir Fonseca Azevedo Pereira 

 

A hierarquia e a disciplina são os pilares das Instituições Militares. Os parâmetros são inquestionáveis e baseiam - se no respeito aos superiores e na obediência às suas ordens. Portanto, os militares se submetem às normas da caserna no principio de que o superior hierárquico por seu nível de conhecimento e conduta ilibada está apto a comandá - los. Contudo, eventualmente, o superior pode não reunir as qualificações para o exercício de seu cargo. Felizmente, de alguma forma, por transferência do militar ou do seu superior, ou passagem para a Reserva, de um ou de outro, a incômoda situação é ultrapassada.

Leia mais...