31 DE MARÇO DE 1964 : NÃO HÁ O QUE COMEMORAR...

Por : Pettersen Filho

Após liberalizar as comemorações do Golpe de 1964 nos Quarteis de todo o País, bem ao contrário do que fez Dilma Roussef, e seus antecessores, com menos pompa, que os proibiu, o Presidente Jaindo Bolsonaro parece-nos anacrônico, não um Presidente Eleito e Empossado, mas um Candidatinho medíocre ainda em Campanha, sem se atentar a impotância e dimensão do Cargo e Encargo que recebeu.

Leia mais...

QUARTO PODER : “O PRESIDENTE DA CÂMARA DOS DEPUTADOS, O IMPERADOR DO BRASIL...”

Por : Pettersen Filho

Visto ainda outro dia, discutindo com o Ministro Moro, ao vivo e a cores na telinha da tevê, sobre o trâmite da Lei Anticrime apresentada à Câmara dos Deputados, entre rusgas e declarações grotescas, o Presidente da Câmara dos Deputados, no caso atual Rodrigo Maia, nervosíssimo, dado a Prisão  do seu Sogro, junto com Michel Temer, essa semana, é efetivamente quem manda no Brasil, dele dependendo a apresentação dos Projetos do Governo, Formação de Comissões, e todos os atos essenciais ao funcionamento da Câmara, sem o qual o próprio Poder Legislativo no Brasil não anda...

Leia mais...

PRISÃO DE TEMER REVELA SUBMUNDO & CRIME NA TRANSILVÂNIA BRASILEIRA...

Por : Pettersen Filho

A Prisão súbita, porém já esperada, ainda que para futuro mais distante, do Ex-presidente Interventor do Brasil, Michel Temer, pouco mais do que a dois meses de ter deixado a Presidência da República, justamente para estancar o Esquema Criminoso fundado por Lula, e estendido por Dilma Roussef, trás à tona, para a superfície do Mundo Jurídico, bem por depois das Catacumbas, a sórdida, e corrupta, Política, até outro dia praticada no País, verdadeira Transilvânia do Crime, advinda da Terra do Conde Drácula, como, por vezes era comparado Michel Temer, na paródias da Internet, se não pelo seu biótipo, semelhança com o personagem das telas, pelo menos, pela real e constatada vida subterrânea que possuía, por debaixo do seu Mandato Político, tenebrosamente ligada ao crime, a extorsão e a propina.

Leia mais...

O ESVAZIAMENTO DA AUTORIDADE DO STF SÓ INTERESSA A QUEM INVESTE NO ARBÍTRIO E NA TRUCULÊNCIA

Por : Celso Lungaretti

Entre as cartas marcadas de um Estado Democrático de Direito e os horrores de um Estado Policial de Direita:

braço de ferro entre o Supremo Tribunal Federal e o triângulo das Bermudas (hordas bolsonaristas, tenentes togados e o charlatão do anticomunismo profissional com seus miquinhos amestrados) vai decidir se continuaremos sob uma democracia de fachada, na qual o poder econômico reina soberano, ou  marcharemos para algo ainda pior, a imposição a ferro e fogo de um retrocesso histórico inaudito.

Como a atual ofensiva dos aloprados ultradireitistas tem como pretexto o combate à corrupção, vale a pena lançarmos um olhar para o passado, tentando entender como passamos tanto tempo alimentando o monstro que agora tenta nos destruir.

Leia mais...

DESTEMPEROS DE TOGA

Por : Percival Puggina

          Em julho de 2014, um destacado cientista coreano da área de nanotecnologia anunciou haver desenvolvido, com sua equipe, um pequeno sensor cutâneo para medir as emoções do portador. Ao fazer o anúncio, arrematou: "No futuro, as emoções serão consideradas informações biométricas, como pressão arterial e temperatura".

Leia mais...

ESTADOS UNIDOS : “JAIR BOLSONARO VAI BEIJAR AS MÃOS DE DONALD TRUMP...”

Por : Pettersen Filho

Situação bem destacada no Discurso de Paulo Guedes na Câmara Comercial Brasil/EUA, ontem, 18/03, na preleção que fez exaltando os Estados Unidos e a firme Decisão do Governo Bolsonaro abrir o Mercado brasileiro, sem ressalvas ou contrapartidas, vendendo tudo, ao reportar que quando da nossa tentativa de Independência, presumo referir-se a Inconfidência Mineira, 1789, pedimos apoio aos EUA, libertos muito tempo antes, 1776, através de cartas, onde informávamos que éramos, como País, então maiores e mais ricos que eles, ainda assim, respondendo os EUA que não podiam apoiar nossa independência, pois estavam lutando com os Britânicos...

Leia mais...

TRAGÉDIA EM SUZANO :” O BRASIL NA ERA DO CRIME TIPO VIDEO GAME...”

Por : Pettersen Filho

Paradigma do “New Wave” Americano, desde que o País eclodiu da Segunda Guerra Mundial como a maior Potência Econômica e Militar do Planeta, maximizado pelo Modelo Capitalista da Sociedade de Consumo, superficial e pueril, coisa que se aquilatou com o desenvolvimento tecnológico e novas mídias via internet, o Brasil acaba de inaugurar, definitivamente, desde ontem, 13/03, o novíssimo Crime “modus operandi” tipo Vídeo Game, em que o Jovem, frustrado e incapaz de conviver Socialmente, após simular batalhas de rua na telinha do computador, sem direito a restart ou reset, sai de casa armado, e tal qual o joguinho, dispara a esmo no primeiro transeunte que se lhe apresenta à frente, tal qual os Crimes nos EUA, de Colombine e Niltow, chocando a Sociedade perplexa.

Leia mais...

DIA 13/04 , 1º ENCONTRO BRASILEIRO DE ESCRITORES E DELEGADOS CULTURAIS :” ESCBRAS VISITA SEDE DO INCONFIDENTE MINEIRO...”

Por : Pettersen Filho

Dentre os preparativos para o 1º Encontro Nacional de Escritores e Delegados Culturais, a ocorrer dia 13/04, no Cerimonial & Hostel Inconfidente Mineiro, numa iniciativa da Presidente da Escbrás, Léa Lú, em comemoração aos seus Cinquenta Anos de Promotora Cultural, em que já se encontram inscritos Delegados de pelo menos Oito Estados da Federação, Léa Lú realizou na tarde de ontem, 13/03 Visita de Cortesia ao Hostel, assim como quem faz uma simpática “Auditoria”, ansiosa pela realização do Evento.

Leia mais...

“A LEI É PARA TODOS ?” SOBRE TEMPOS BIZARROS, DIGNIDADES E VIDAS DESTROÇADAS

Por : Celso Lungaretti

Como passamos por tempos bizarros, é bom que sempre haja registros das ocorrências suspeitas no nosso dia a dia, pois podem prenunciar algo pior (ou não).

Então, informo que, como anistiado político desde outubro de 2005 (quando foi publicada a portaria ministerial respectiva), sempre pude obter os mesmos empréstimos consignados dos demais pensionistas da União e, em momentos de apuros financeiros, renová-los, recebendo de volta parte do valor das parcelas quitadas.

Leia mais...

HIPOCRISIA!

 

Por : Percival Puggina

          Se você perguntar a um desses jovens desorientados, que assumem Che Guevara como referência, qual o motivo dessa veneração, certamente ouvirá como resposta que a grande virtude do argentino era a coerência com seu ideal. Afinal, Guevara deu a vida por ele. Claro que Jesus Cristo foi infinitamente superior, mas Jesus Cristo, nesses casos, está fora de cogitação.  O que não passa pela cabeça da moçada é que esse supremo sacrifício é uma característica de seres notáveis, mas há condições para merecer o adjetivo: 1ª) que o ideal seja nobre e 2ª) que quem o abrace não se sinta no direito de sair por aí matando quem dele discorde. Che Guevara se desqualifica em ambas. Seu ideal já era comprovadamente desastroso quando o abraçou e ele se permitiu, enquanto tentava instalar uma guerrilha comunista na Bolívia, escrever sobre sua própria "sede de sangue". Era uma sede em proporções cósmicas porque nem mesmo uma guerra nuclear entre a URSS e os EUA, a partir de uma base de ogivas em Cuba, deixava de lhe parecer apetitosa e desejável. "Um, dois, três, mil Vietnãs!" não enchiam seu copo.

Leia mais...

DIREITO DO TRABALHO NÃO ANDA PARA TRÁS

                             

 Por : João Baptista Herkenhoff

O Direito do Trabalho sempre anda para a frente.

Não se conhecem retrocessos em nenhum pais.

A contínua ampliação dos direitos trabalhistas decorre de uma lei natural.

O Fascismo torturou, assassinou os opositores, calou a imprensa, mas não reduziu os direitos trabalhistas. As conquistas laborais ultrapassaram o Fascismo.

Na sua sanha de expulsar do Direito brasileiro a proteção do trabalhador, não se estranhe que esteja na mente dos laborcidas (neologismo apropriado – assassinos do trabalho) a revogação da Lei Áurea, assinada pela Princesa Isabel em 13 de maio de 1888.

Leia mais...

UMA ÉTICA MUNDIAL PARA A CULTURA DA PAZ

Por : António Justo

Mudança do paradigma institucional para o individual. Pensar e agir em Contexto de Globalização implica fomentar um Humanismo plural:

Na qualidade de professor de ética na Alemanha, onde tinha alunos cristãos, ateus, hindus e muçulmanos, vi-me confrontado a ter de distinguir melhor entre Moral e Ética na disciplina que lecionava, devido às diferentes “morais” de proveniência dos alunos e à óbvia necessidade de adquirirem um mínimo de valores éticos comuns para os habilitar para um adequado relacionamento intercultural no dia-a-dia e obterem a suficiente compreensão para respeitarem as diferentes morais e crenças. Pelo que observamos a nível mundial, as culturas encontram-se com problemas irresolvidos e a civilização ocidental passa um momento axial da sua História (ou sua negação), o que a leva a uma crise de sentido do Homem e da civilização.

Leia mais...