PRAÇA DA LIBERDADE

Por : Pettersen Filho

Há nas Praças os lugares permitidos e os lugares proibidos... Pessoas que fazem alguma coisa e Pessoas que não fazem nada... Vós, que fazeis na Praça ?

Havia na Praça

Uma Banda...

Na Praça os casais

se reuniam

A vida acontecia

e ninguém notava

de tão feliz

que todo mundo era...

 

 

Havia na Praça

Uma Banda...

Na Praça as crianças s

se reuniam

A brincadeira acontecia

e ninguém notava

de tão feliz

que todo mundo era...

 

Havia na Praça

Uma Banda...

Na Praça os Homens

se reuniam

O Governo acontecia

e ninguém notava

de tão feliz

que todo mundo era...

 

Havia na Praça

Uma Banda!

 

(Extraído do poema “Praça da Liberdade” da Obra “Inconfidente Mineiro – Ilustrações & Poesias” de Antuérpio Pettersen Filho – Publicação Independente – 2002).