OPERAÇÃO “BOSTA” OU “ESTRUME” : POLÍCIA FEDERAL REALIZA BUSCA E APREENSÃO NO PALÁCIO LARANJEIRAS...

Por : Pettersen Filho

Residência Oficial do Governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, Ex-fuzileiro Naval e Juiz Federal, atual desafeto de Jair Bolsonaro, seu principal título, de quem se afastou, assim como Dória, tão logo empossado, a fim de tomar-lhe o lugar em 2022, Operação Codinome, na verdade, “Placebo”, que significa Falso Remédio, ou Formulação Inócua, que bem poderia chamar Operação “Bosta”, ou “Estrume”, por mais que nomes desagradáveis, numa referência ao Vídeo publicado pelo STF, da Reunião Presidencial, como se referiu à Dória e Witzel, o Presidente da República, nem bem modificado o Comando da Polícia Federal, e o Superintendente do Rio, a Operação, portanto Operação presumível e atribuição legal dos Órgãos de Auditoria e Controle, comandada pela PF de Brasília, aparentemente visa Witzel, seus secretários mais diretos, e tramoias envolvendo uma ONG, e a compra superfaturada, e fraudulenta, de Respiradores, e/ou Hospitais de Campanha.

 

 

Operação que deve estar repercutindo, também, em outros Palácios de Estado, desde o dos Bandeirantes/SP, à Liberdade/MG, e nos demais Palácios de Estado da Federação, soa, no mínimo, como uma luz de alerta, em razão dos Governadores que ora deitam e rolam com as verbas públicas, diante da Pandemia, mediante compras sem licitação, enquanto se ocupam de alfinetar Bolsonaro, autorizados e licenciados, sem, antes, precedentes legais, numa quebra de Hierarquia, legal e institucional, oferecida pelo Supremo Tribunal Federal, e Congresso, que, com decisão de absoluta autonomia, de Prefeitos e Governadores, diante da União, bem fazem o que querem, desde baixar Lockdow, fechar aeroportos e rodovias, até prender e desapropriar possíveis infratores do Isolamento pandêmico.

 

Sem mais comentários:

 “Vem mais Merda ai, no ventilador. Vai ser uma Merda danada !”

http://www.paralerepensar.com.br/paralerepensar/publicacoes.php?opc=editar&id_publicacao=53845

Pettersen Filho, membro da IWA – International Writers and Artists Association, é advogado militante e assessor jurídico da ABDIC – Associação Brasileira de Defesa do Individuo e da Cidadania, que ora escreve na qualidade de editor do periódico eletrônico “Jornal Grito do Cidadão”, sendo a atual crônica sua mera opinião pessoal, não significando necessariamente a posição da Associação, nem do assessor jurídico da ABDIC